1. Ir ao Menu
  2. Ir ao Conteúdo
  3. Ir ao Rodapé>

Conselho Regional de Fisioterapia discute perícia técnica na Justiça do Trabalho

Imprimir E-mail

Conselho Regional de Fisioterapia discute perícia técnica na Justiça do Trabalho

Diretores do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito 11) se reuniram, no dia 16 de dezembro, com o presidente do TRT, desembargador Gentil Pio de Oliveira para tratar de questões relacionadas à perícia técnica na Justiça do Trabalho. Estiveram presentes no Gabinete da Presidência, a conselheira Meire Incarnação Ribeiro Soares, coordenadora da Comissão de Educação em Fisioterapia, e os profissionais Ivan Marconi Cotta de Queiroz, Rômulo Bruno Roriz de Paiva e Lucas Fernandes, membros da Câmara Técnica de Perícia Judicial em Fisioterapia do Conselho.

Na ocasião, os fisioterapeutas discutiram a aplicação das normas do Código de Processo Civil (CPC) relativas à perícia realizada por aqueles profissionais. Os membros do Crefito 11 ressaltaram que o artigo 145 do CPC prevê que se a prova do fato depender de conhecimento técnico ou científico, o juiz será assistido por perito. Sendo assim, houve a solicitação de que a nomenclatura adequada para as perícias na área da saúde seja Perícia Técnica e não Perícia Médica, uma vez que esta última refere-se à perícia realizada pelo médico, sendo que outros profissionais da área da saúde podem ser requisitados para estas perícias, a exemplo do fisioterapeuta.
Por fim, os integrantes do Conselho entregaram ao presidente Gentil um documento que trata da atuação da fisioterapia em perícias judiciais.
O desembargador Gentil Pio reconheceu a importância da atuação da fisioterapia na perícia judicial e disse que dará encaminhamento à solicitação feita pelo Crefito. Ele ainda propôs a realização de um encontro no TRT para que outras categorias da área da saúde tenham a oportunidade de falar sobre suas ações na perícia técnica.
 
Mundo Fisio
Google+
LiveZilla Live Help